Nossocrédito

Objetivo

Fortalecer o capital de giro dos empreendedores e micro empresas sediados no Espírito Santo.

Valores:

Pessoas física ou jurídica:

- De R$ 200,00 até R$ 7,5 mil para primeiro crédito;
- Até R$ 15 mil a partir do segundo crédito para capital de giro;
- Até R$ 20 mil, a partir do segundo crédito, desde que para investimento fixo.

Cooperativas e associações legalizadas:

- De R$ 200,00 até R$ 25 mil, limitado ao máximo de R$ 5 mil por associado, se o total de sócios for menor que cinco.


Beneficiários

O financiamento é feito a pessoas (física ou jurídica) que tenham tido renda bruta menor que R$ 240 mil no último ano.

É preciso, também:

- Apresentar avalista e ter o nome limpo no SERASA e no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC);
- Ter mais de seis meses de experiência na área, no setor formal ou informal;
- Residir no mesmo município há mais de dois anos. Se tiver um tempo de residência inferior a dois anos, deverá ter pelo menos o seu negócio estabelecido há mais de dois anos no local.

Condições operacionais

Para Capital de Giro:

Financiamento entre R$200 a R$15 mil

Prazo: até 12 meses. Juros de 1,10% ao mês
Prazo: de 13 até 24 meses. Juros: 1,50% ao mês

Para investimento fixo:

Financiamento entre R$200 a R$20 mil

Prazo: até 12 meses. Juros de 1,10% ao mês
Prazo: de 13 até 30 meses. Juros: 1,50% ao mês

* Crédito sujeito a análise e enquadramento operacional.

Forma de pagamento

- Carência: não haverá pagamento na carência.
- Amortização: principal mais juros pagos mensalmente.


Garantias

- Reais: alienação fiduciária de 100% dos bens financiados; e

- Pessoais: aval de pessoa física sem restrições no SPC ou SERASA, podendo ser parente de primeiro grau desde que não resida na mesma casa e que comprove o rendimento líquido. Trinta por cento do rendimento líquido deve ser igual ou maior do que a prestação.