Preview Cookie

 



Fundos

FIP - Fundo de Investimento em Participações

O Bandes participa da construção de soluções estratégicas para o desenvolvimento do Espírito Santo e para isso, apoia a inovação e a competitividade das empresas, viabilizando mecanismos especiais de capital de risco, por meio dos fundos de investimentos em participações (FIPs). Esse tipo de investimento é uma modalidade de apoio distinta do crédito tradicional, na qual uma empresa gestora do Fundo identifica o potencial de crescimento de um negócio e adquire um percentual de suas ações. Ou seja, o Fundo prospecta empresas e entra como sócio acionista por um período determinado.

O Fundo, como acionista, traz experiência e boas práticas que apoiam a gestão e a governança da empresa. Assim, com o tempo, a empresa ganha expertise e resultados.



O Bandes é cotista dos seguintes fundos:

Criatec 3:
Pré-requisito: negócios que obtiveram R$ 12 milhões como limite de Receita Operacional Líquida (ROL) no ano imediatamente anterior ao investimento do Fundo;
Limite de investimento: até R$ 7 milhões por empresa (até R$ 3 milhões na primeira rodada de investimento).
· Para empresas que desenvolvam tecnologias inovadoras com elevado potencial de evolução;
· Apoia negócios em estágios iniciais que precisam se estruturar para um crescimento acelerado;
· Oferece capital e suporte de gestão;
· Áreas de foco: Tecnologia da Informação e da Comunicação (TIC), Biotecnologia, Agronegócio, Novos Materiais e Nanotecnologia.

Gostei! Quero candidatar minha empresa: A gestão da carteira do Criatec 3 está a cargo da KPTL, gestora de recursos focada em inovação, que gera e multiplica valor para investidores e empreendedores. No Espírito Santo, a gestora, com a participação do Bandes, faz a prospecção e a seleção das empresas que receberão os investimentos e o monitoramento do desempenho das companhias investidas.

Primatec:

Pré-requisito: negócios que obtiveram R$ 16 milhões como limite de Receita Operacional Líquida (ROL) no ano imediatamente anterior ao investimento do Fundo;
Limite de investimento: até R$ 4,1 milhões, incluindo investimento inicial e follow-on.
· Para empresas de base tecnológica com alto potencial de crescimento;
· Voltado para o ecossistema de inovação nacional e o empreendedorismo;
· Apoia pequenas e médias empresas inovadoras sediadas há menos de 2 anos em incubadoras e parques tecnológicos;
· Áreas de foco: Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), Sustentabilidade e Energia, Economia Criativa.

Gostei! Quero candidatar minha empresa:
A gestão da carteira do Fundo está a cargo da Antera que atua no papel de Gestor do Fundo Primatec, em conjunto com a BRAIN .

Seed4science

Pré requisito: negócios que obtiveram R$ 4,8 milhões como limite de Receita Operacional Líquida (ROL) no ano imediatamente anterior ao investimento do Fundo (sem que tenha apresentado receita líquida superior a R$ 16 milhões nos últimos três exercícios sociais;
Limite de investimento: até R$ 3,5 milhões ou 10% do capital comprometido do Fundo (o maior entre os dois);
· Voltado para o primeiro investimento institucional, do tipo Seed Money, em empresas de bases tecnológicas nascidas a partir do conhecimento produzido em Universidades e Centros de Pesquisa;
· Instrumento de fomento à cultura empreendedora em Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs), de catalisação do crescimento de empresas de base tecnológica, de aplicação das melhores práticas de governança corporativa e gestão de negócios e de atração de recursos para o desenvolvimento de soluções inovadoras para o mercado;
· Apoia empresas que atuam em Pesquisa, Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PD&I) e aplicação de produtos, processos e serviços de alta tecnologia e/ou significativo teor de inovação na solução de problemas relevantes em grandes mercados.
· Áreas de foco: Biotecnologia; Nanotecnologia; Internet das coisas e materiais avançados; Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), em especial aquelas relacionadas à big data e machine learning, com verticais de aplicação em Agronegócio, Indústria, Saúde e Bem estar e Varejo.

Gostei! Quero candidatar minha empresa:
A gestão do Fundo caberá à Fundepar Gestão e Consultoria de Investimentos Ltda., uma gestora de fundos de investimentos especializada no desenvolvimento de negócios inovadores de alto impacto.


Fundo ANJO - Fundo Capital Semente Coinvestimento Anjo:

O Fundo Anjo, uma iniciativa do BNDES com apoio do Bandes, é pioneiro em sua estratégia de co-investimentos no Brasil e no ES, fomentando o ecossistema do empreendedorismo, atuando em conjunto com Investidores Anjo individuais, Entidades de Investimento Anjo e Aceleradoras, e, de forma ímpar no mercado brasileiro.
Pré requisito: o faturamento da empresa apoiada, o perfil da carteira esperado será segmentado em estágios da seguinte forma: a) investimento em startups inovadoras com faturamento anual de até R$ 1 milhão - como limite de Receita Operacional Líquida (ROL); e b) investimento em pequenas empresas inovadoras com faturamento anual de até R$ 16 milhões - como limite de Receita Operacional Líquida (ROL). A mesma empresa poderá receber investimentos do Fundo em ambos os estágios;
Limite de investimento: até R$ 500 mil em startups e até R$ 5 milhões na segunda rodada de investimentos;
· Para empresas que desenvolvam tecnologias inovadoras com elevado potencial de evolução;
· Apoia negócios em estágios iniciais que precisam se estruturar para um crescimento acelerado;
· Oferece capital e suporte de gestão;
· Áreas de foco: Economia Criativa (B2C; O2O; B2B; logística); Agronegócios; Saúde e Biotech; Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC); “Fintechs”; Cidades Inteligentes.

Gostei! Quero candidatar minha empresa:
A gestão da carteira do Fundo Anjo está a cargo da Domo Invest, gestora de recursos focada em inovação, que gera e multiplica valor para investidores e empreendedores. No Espírito Santo, a gestora, com a participação do Bandes, faz a prospecção e a seleção das empresas que receberão os investimentos e o monitoramento do desempenho das companhias investidas..

FIP Trivèlla M3 VC4:

O Trivèlla M3 VC4 é um Fundo de Investimento em Participações que tem como objetivo suprir a demanda de financiamento de empresas de tecnologia que apresentem software e/ou hardware próprio, e estejam em expansão nacional e/ou internacional por vias orgânicas ou consolidação de mercado. O foco do Fundo é atuar prioritariamente nas regiões sul e sudeste para que seja possível a presença física da equipe com frequência nas empresas investidas. Dentre estas regiões destacam-se estados cujos governos tenham apresentado interesse no desenvolvimento de startups. O Fundo busca companhias que estejam faturando R$ 10 milhões nos últimos 12 meses ou R$ 1 milhão ao mês com receitas recorrentes. A intenção é que sejam investidos de R$ 10milhões a R$ 30 milhões por empresa, com até 8 companhias integrando o portfólio.

Pré-requisitos: Fundo VC4 investirá em empresas de médio porte no setor de tecnologia. A gestora irá criar valor através de uma atuação hands-on e in company, com apoio de especialistas e focada em governança, estratégia, conhecimento setorial e acesso a mercado. Identificar carências e oferecer expertise em fusões e aquisições, internacionalização e operação de grandes empresas, além de acesso a financiamento para suportar o crescimento acelerado.

O Fundo investirá nas seguintes áreas:
• Tecnologia para setores prioritários, gargalos da economia brasileira: saúde, educação, energias renováveis e agronegócio.
• Tecnologia para mobilidade urbana, segurança pública, cidades inteligentes e internet das coisas (IoT).
• Tecnologia para varejo e logística.
• Tecnologia para o mercado financeiro de empresas enquadradas no conceito de fintechs.

Gostei! Quero candidatar minha empresa:
A gestão da carteira do Fundo Anjo está a cargo da Lions Trust Administradora de Recursos Ltda especializada na estruturação de veículos de investimento e na prestação de serviços fiduciários e operacionais para os segmentos de fundos alternativos (Private Equity, Venture Capital, Seed Capital, Real Estate, Florestal, Infraestrutura)